Conecte-se conosco

Cidades

Mercado de moda plus size cresce no Brasil

Publicado

em

Matéria após o anúncio

As empresas que começaram a vender roupas plus size recentemente no Brasil tem como justificativa a maior demanda por busca de modelos maiores. E, por se tratar de um mercado ainda muito carente, os empresários estão apostando na confecção de moda plus size.

E o surgimento dessas novas modalidades não movimentou só o mercado que oferecem moda para o setor plus size, mas também fundou a ABPS (Associação Brasil Plus Size), onde profissionais vinculados ao setor e a pensamentos acadêmicos de Universidades, possuem a intenção de crescer ainda mais o mercado e gerar respeito por este segmento.

Continua após o anúncio

Segundos os dados da ABPS, o mercado acumulou cerca de 21% nos últimos anos 3 anos. Neste mesmo período, a indústria de vestuários teve queda superior de 5%. E o progresso deste segmento no Brasil é de 20% até 2020. E esta mesma entidade registrou o aumento de 8% em 2018, chegando a arrecadar cerca de  R$ 7,2 milhões.

A questão social

Frases indelicadas são bastante ouvidas por pessoas que estão acima do peso, como “você precisa emagrecer, meu tamanho está certo”. Muitas vezes elas não são tratadas com o devido respeito, julgadas e sujeitas a passar por situações desagradáveis.

Além de serem taxadas como pessoas preguiçosas, incapazes e, até mesmo, doentes. E é por conta disso que muitas pessoas acima do peso param de querer frequentar lojas físicas e começam a comprar mais em lojas virtuais.

E a mesma associação, ABPS, estima que daqui a 5 anos, o mercado deste segmento chegue a faturar cerca de R$ 15 milhões anuais. E esta análise diz que a população busca cada vez mais por roupas desse segmento por haver bastante publicidade de empresas inclusivas, pessoas ativistas em e confecções que entram nesse nicho.

Nos últimos treze anos, a obesidade no Brasil também voltou a crescer. Este índice aponta que o aumento chegou a 67,8%. Depois que saiu dos 11,8% de 2006 para 19,8% em 2018. Nos últimos anos, o Brasil apresenta uma taxa estável de obesidade. E a partir do ano de 2015, esse índice esteve em 18,9%.

Faixa etária plus size

Este crescimento é maior entre os adultos de 25 e 34 anos, e também em idades de 35 a 44, com índices de, respectivamente, 84,2% e 81,1%. E mesmo que o crescimento seja maior entre os homens, no ano de 2018 as mulheres possuem um índice de obesidade maior, em 20,7%, e os homens estavam atingiram somente 18,7%.

Além disso, vale ressaltar que as empresas não precisam fazer estampas diferentes daquelas do seu modelo principal, porque as pessoas acima do peso não são um tipo diferente de ser humano.

O importante é que as lojas ofereçam as mesmas estampas que estão em sua vitrine, elas devem existir em todos os tamanhos, pois não existem gostos diferentes de uma pessoa ou outra se tratando de modelitos. Isso é válido para o vestuário e também lojas de sapatilhas baratas e calçados afins!

Afinal, o mundo é o mesmo, os gostos são os mesmos, a moda é a mesma, e a vontade de ter um look é a mesma.

O grande crescimento desse mercado é observado também na internet. Um bom exemplo disso é a loja Flamingo, especializada na moda.

Lojas online também procuram pelo mesmo nicho, e é voltado pela moda mais sofisticada de plus size. O objetivo é fazer com que as empresas de grande porte passem a investir em moda plus size, que possuem grande qualidade, e mostrar a dificuldade de criar moda para elas.

Vale ressaltar que nas lojas online, as pessoas não precisam passar por humilhações, como quando acontece nos provadores, tendo que pedir números maiores para as vendedoras.

Continua após o anúncio

Outros nichos de modelo plus size também estão crescendo, como é o caso das marcas de biquíni, roupas de ginástica e vestidos.

Continua após o anúncio
Continua após o anúncio
Compartilhe com os amigos
  • 2
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
    2
    Shares
Deixe seu comentário sobre a matéria acima
Clique para comentar

Deixe um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Juvino Publicidade