Conecte-se conosco

Giro Rolim

Site de Porto Velho escâncara possível “Farra” com dinheiro publico pela Câmara de Vereadores de Rolim de Moura

Publicado

em

O site O Combatente, através do jornalista Tadeu Itajubá, publicou uma matéria intitulada, “Farra com o dinheiro Público na Câmara de Rolim de Moura”, (Veja abaixo a matéria na integra) o furo de reportagem repercutiu em muito, inclusive Planeta Folha procurou a Câmara de Vereadores de Rolim de Moura para saber mais informações.

Sobre a informação de que o presidente Dr Lauro estaria planejando uma sessão no período de recesso para a aprovação de um projeto que levaria a uma gastança imensa, foi confirmada por alguns assessores de vereadores, que preferiram não se identificar para não sofrer retaliações, eles ainda disseram que o dinheiro deverá ser gasto com obras na frente do prédio da câmara, seria a colocação de faixadas.

Procurada a assessoria de imprensa da câmara sobre algum possível esclarecimento do fato, eles informaram que o presidente Dr. Lauro está ciente da matéria jornalistica mas que o mesmo se encontra fora do estado de Rondônia, em viajem, e por isso a assessoria não tem informação se deve haver alguma manifestação a cerca do caso.

Confira abaixo a matéria veiculada pelo site O Combatente:

Farra com o dinheiro Público na Câmara de Rolim de Moura

Em 2017 um fato inédito ocorreu no principal berço político de Rondônia. Aldair Júlio Pereira (PMDB) presidia a câmara de vereadores de Rolim de Moura e numa ação voltada para ajudar a saúde devolveu mais de 300 mil reais que foram economizados no exercício daquele ano.

Há 02 anos o repasse ao poder legislativo era 1% inferior a atualidade e demonstrando capacidade administrativa, embora debutante na política, Júlio contribuiu com o município que passava por dificuldades na área da saúde. Em 2017 o repasse foi de 3.929.277,41 milhões de reais.

Neste ano, até o mês passado, o poder legislativo já custou aos cofres públicos 4.320.499,70 milhões de reais. Mostrando uma gestão medíocre, o atual presidente demonstra que não sabe administrar dinheiro público, e muito menos se preocupa com a população, tanto é que a câmara adquiriu um veículo no valor de quase 140 mil reais.

Pior que isso, pensando na politicagem e nas eleições do próximo ano, o atual presidente da câmara quer criar um fundo para aplicação da sobra de recursos, ao invés de copiar o colega que o ajudou a chegar à presidência da câmara. Não é nenhum segredo que o ex-presidente da câmara, Júlio Pereira, se arrepende de ter apoiado e a ajudado o atual presidente a chegar ao comando da mesa diretora. Júlio se sente traído e ambos disputaram o cargo de prefeito em eleição suplementar que depois foi cancelada pela justiça eleitoral. De lá pra cá a relação dos dois azedou e presidir a câmara não tem sido fácil para o Doutor como faz questão de ser chamado. Não tem maioria, quando precisa que algum projeto passe tem que praticamente implorar aos pares, e a criação desse fundo com mais de UM MILHÃO DE REAIS, não tem a simpatia de todos, pois os vereadores mais sensatos, tem em vão tentado convencer o Doutor a devolver os valores para o poder executivo, para ajudar na recuperação das ruas que mais se parecem com um queijo suíço de tanto buraco, do que uma via urbana.

Na tentativa de agir as escondidas, a sessão para a criação do fundo, mesmo contrariando alguns integrantes, será marcada no período do recesso legislativo para que a população que acompanha as sessões, não tenha conhecimento da ação eleitoreira.

Demonstrando farra com o dinheiro público, a câmara de vereadores de Rolim de Moura adquiriu uma CAMIONETA TOYOTA HILUX 2.8 STD CABINE DUPLA 4X4 no valor de R$ 139.760,00 valor esse que daria para adquirir 04 veículos populares.

Enquanto gasta dinheiro público sem eira e nem beira, a população padece com estradas ruins e oposição forte da mesa diretora que pouco tem feito pensando nos munícipes. No ano passado, nenhum vereador se reelegeu em Rolim de Moura, pelo comportamento individual e pela insatisfação da sociedade com o comportamento de politiqueiro, não se surpreenda se o raio cair duas vezes no mesmo lugar.

De acordo com o portal da transparência, o município já teve despesa de quase 4 milhões e meio de reais com a câmara municipal, com o repasse constitucional.

Da redação – Planeta Folha com Informações do Site O Combatente (Tadeu Itajubá)


Compartilhe com os amigos
  • 94
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
    94
    Shares
Clique para comentar

Deixe um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Juvino Publicidade