Tecnologia

Tecnologia de ponta! 01/11/2017 08:40 Fonte: Planeta Folha - por Dr. Ronan Almeida de Araújo

Internet com fibra ótica já está em funcionamento na cidade de São Miguel do Guaporé

A empresa Vídeosat com apoio do grupo MDS de Nova Brasilândia, instalou fibra ótica de Pimenta Bueno até a cidade de Seringueiras, sede da empresa, tendo como um dos sócios o jovem empreendedor Nelson. Agora, os interessados em melhorar o sinal de internet poderão contratar os serviços da Vídeosat, que está disponibilizando 5 megas pelo preço mensal de R$ 100,00 (cem reais) e 10 megas por R$ 149,00 (cento e quarenta e nove reais).

O projeto da empresa é instalar fibra ótica até a cidade de São Francisco do Guaporé, porém ainda não há informação de quando isso poderá acontecer, devido ao alto custo que foi utilizado para investir na aquisição de equipamentos e aluguel de poste, que gira em torno de R$ 9,90 (nove reais e noventa centavos), pagos à Eletrobrás (Ceron), proprietária dos postes instalados ao longo da BR-429. Há lugares que a empresa teve de instalar poste por conta própria, uma vez que até 120 metros a fibra consegue suportar a extensão.

Em São Miguel, a empresa já está disponibilizando sinal de internet por fibra ótica para vários setores, enquanto que alguns lugares ainda não foram contemplados porque os técnicos estão fazendo os serviços de acordo com a aprovação da instalação do cabo em toda a cidade, que deverá ocorrer e breve. Os setores onde foi disponibilizado o sinal com fibra ótica, os usuários que adquiriram seus planos só têm a elogiar, visto que o sistema antiga, que era via rádio, em comparação com o novo, é muito superior devido à boa velocidade por não existir quase nenhuma oscilação, diferentemente do sistema via rádio, que quando chove, por exemplo, o sinal quase fica impossibilitado de ter acesso para navegar na internet.

Quanto à extensão da fibra ótica de Seringueiras até Costa Marques, não está nos planos da empresa a colocação a expansão dos serviços, por serem considerados inviáveis com gastos para a aquisição de novos equipamentos e despesas com aluguel de poste junto à Eletrobrás. Enquanto isso, os moradores de São Domingos e Costa Marques terão que se contemplar com o sistema atual de acesso à internet, via rádio, precário e tido como o pior entre todos os municípios de Rondônia, o que já fez com que a comunidade se mobilizasse com abaixo-assinado, protestos e manifestações contra a operadora OI, exigindo dela investimento em novos equipamentos, porém sem sucesso em razão de que a empresa encontra-se em processo de recuperação judicial com uma dívida em torno de 67 bilhões de reais, aumentando mais ainda o sofrimento dos usuários que dependem de sinal de boa qualidade para a execução de serviços de toda natureza, até porque sem internet de boa qualidade na conjuntura atual, traz enormes transtornos à população, que nada pode fazer para reverter a situação conjuntural, a não ser continuar “enchendo” o fórum da comarca com ações de indenizações por danos morais em desfavor da OI, em virtude de grandes aborrecimentos e revoltas vividos diariamente pela população que não aguenta mais conviver com essa realidade de usar sinal de internet de péssima qualidade apelidada em Costa Marques de bicho-preguiça.

Texto: Dr. Ronan Almeida de Araújo. Advogado e jornalista na cidade de Costa Marques.


Loading...

Informações de contato

Planeta Folha

(69) 9841-29772 - (69) 9937-71115

atendimento@planetafolha.com.br

Crie seu novo site AgenSite
versão Normal Versão Normal Painel Administrativo Painel Administrativo