Banner juvino publicidade

Política

Politica 06/03/2018 14:22 Fonte: Assessoria / Dep. Hermínio Coelho (PDT)

Nota de Esclarecimento – Deputado Hermínio fala sobre citação de seu nome em áudio clandestino

O deputado estadual Hermínio Coelho (PDT) vem a público esclarecer os fatos sobre a citação de seu nome em conversa travada entre parlamentares e registrada através de gravação clandestina:

1 – Desde que assumiu o mandato em 2011, o deputado Hermínio Coelho tentou aprovar várias Comissões Parlamentares de Inquérito (CPIs), porém jamais obteve êxito justamente por falta de apoio dos demais integrantes do Parlamento;

2 – Todas as denúncias apresentadas pelo parlamentar pedetista são expostas no púlpito da Assembleia Legislativa (ALE/RO) a fim de conceder total transparência às alegações tornando as situações públicas;

3 – Paralelamente à exposição no Plenário da Casa de Leis, o deputado percorre todos os órgãos competentes com a íntegra formal de suas denúncias levando o que considera indícios e provas cabais às autoridades do Ministério Público do Estado (MP/RO), Ministério Público Federal (MPF/RO), Tribunal de Contas do Estado (TCE/RO), Tribunal de Contas da União (TCU) e também à Polícia Federal (PF);

4 – Agindo assim, independentemente do posicionamento dos demais integrantes da ALE/RO sobre suas denúncias, as alegações são investigadas de forma autônoma pelas autoridades competentes;

5 – Ao denunciar qualquer desmando, o deputado Hermínio o faz com tamanho fervor e envolvimento que, por vezes, é criticado por se exceder nas palavras, mas jamais fora repreendido pelo conteúdo do que é informado à população;

6 – O deputado vê como tacanha e extremamente vil a tentativa criminosa de vincular seu nome à trama envolvendo chantagem e conspiração contra o governador do Estado;

7 – Isto porque foram sete anos e três meses de luta incessante, uma batalha permanente contra os desmandos e a corrupção deflagrada ininterruptamente pelo governo Confúcio Moura (MDB) em seus dois mandatos. O parlamentar sempre insistiu dizendo que seu maior desejo era ver o emedebista fora do comando do Estado;

8 – Não faria sentido depois de todo esse tempo batalhando pela saída de Confúcio que o deputado Hermínio passasse a defender negociatas escusas envolvendo seu nome e suas convicções como moeda de troca justamente para que o governador, a quem sempre combateu e quis que saísse, agora permanecesse sob chantagem;

9 – É importante frisar que o deputado Hermínio Coelho não é acusado. Ele foi citado por terceiros no áudio captado ilegalmente e, mais uma vez, rechaça informações no sentido de que aceitaria qualquer tipo de negociata utilizando suas bandeiras de luta para beneficiar quem quer que seja politicamente;

10 – Atualmente, o deputado propôs a CPI da Ponte para investigar o desvio de R$ 30 milhões praticado pelo ex-diretor do Departamento de Estradas de Rodagem (DER) Ezequiel Neiva, que inclusive saiu do cargo por conta do escândalo. Entretanto, nunca, de maneira alguma, aceitaria que qualquer pessoa usasse suas credenciais para negociar ou chantagear quem quer que seja;

11 – O deputado acredita que se ficar comprovado que os parlamentares envolvidos no áudio ilegal cometeram atos ilícitos precisam ser responsabilizados, mas crê, ainda, que isto não pode servir de “cortina de fumaça” para encobrir os crimes cometidos pela administração Confúcio Moura;

12 – No caso da ponte de Ji-Paraná a Justiça de Rondônia já agiu e bloqueou os bens dos envolvidos para futuro ressarcimento aos cofres públicos. Agora, o deputado Hermínio Coelho irá pedir à PF e ao MP/RO que investiguem a denúncia sobre a desapropriação milionária patrocinada por Confúcio Moura a um pedaço de terra de valor irrisório;

13 – Uma área de 40 hectares que deveria ter sido usada para alojar os desabrigados da enchente de 2014 pertencia a um auditor fiscal do Estado. O lote foi comprado nove meses antes por R$ 60 mil e desapropriado por Confúcio pelo valor astronômico de R$ 4,1 milhões. O caso envolve, inclusive, a morte de uma pessoa – um cidadão assassinado, o que é gravíssimo e precisa ser apurado e;

14 – Por fim, o deputado Hermínio afirma que não irá esmorecer nem ficar quieto diante dos crimes cometidos por Confúcio Moura e apaniguados. O parlamentar está à disposição para esclarecer qualquer dúvida e agradece a atenção às suas considerações sobre o episódio.

Deputado Hermínio Coelho (PDT)


Veja também sobre POlitica Rondônia
Loading...
Loading...

Informações de contato

Planeta Folha

(69) 9842-96737

atendimento@planetafolha.com.br

2016 - 2018: Planeta Folha é uma publicação de Planeta Folha - ME. Todo o noticiário, incluindo vídeos, não podem ser publicados, retransmitidos por broadcast, reescritos ou redistribuídos sem autorização por escrita da direção, mesmo citando a fonte. Os conteúdos assinados são de responsabilidade de seus respectivos autores. As pessoas citadas nos conteúdos têm direito de resposta garantida. Dúvidas entre em contato! ou fale diretamente com nossa redação - (Fale conosco pelo WhatsApp)
Crie seu novo site AgenSite
versão Normal Versão Normal Painel Administrativo Painel Administrativo