Banner juvino publicidade

Política

Politica 02/03/2018 15:36 Fonte: Planeta Folha - por Dr. Ronan Almeida de Araújo

“Madrinha da BR-429” volta à Alvorada D´oeste para entregar papel para a população

A deputada federal Marinha Raupp (MDB) esteve na última terça-feira na cidade de Alvorada D´oeste para entregar novamente papel à população. Ela diz que é uma emenda na ordem de R$ 2.661.056,00 referente à execução das obras remansenses de implantação e pavimentação de um trecho de dois quilômetros sentido São Miguel do Guaporé. A abra que deveria ser inaugurada no ano de 2013, lamentavelmente não foi concluída e há muitos trechos que simplesmente viraram lama pura. A deputada federal que esteve em Alvorada em companhia de engenheiros do DNIT deveriam aproveitar o ensejo para percorrer todo o trecho da BR-429 para conhecer os pontos mais críticos. principalmente o que compreende a divisa de Seringueiras e São Francisco do Guaporé, no local conhecido como Mané Correia. Há, também, outros trechos que foram embargados pelo IPHAN, que os responsáveis pela conclusão da obra não mostram nenhum documento por parte deste instituto liberando a conclusão de sete (07) quilômetros de estrada sem asfalto que parecem “costela de vaca”. Se eles pudessem trafegar nesses trechos, iriam encontrar bastante placa, para-lama, para-choque, escapamento soltos na rodovia do aditivo, das obras intermináveis, do desvio de dinheiro público, como veremos a seguir.

No site Globo G1, do dia 25 de novembro de 2011, houve uma publicação jornalística com o seguinte título: PF faz operação contra desvio de verbas do DNIT em sete Estados. “A Polícia Federal, com o apoio do Ministério Público Federal e da Controladoria-Geral da União, desencadeou a Operação Anjos do Asfalto, que investiga o desvio de verbas públicas federais no Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (DNIT) em Rondônia e no Acre. Ao todo, devem ser cumpridos 27 mandados de busca e apreensão, expedidos pela Justiça Federal, em sete estados: Minas Gerais, Rondônia, São Paulo, Rio de Janeiro, Maranhão, Piauí, Acre, e também no Distrito Federal. A operação mobiliza mais de 160 policiais federais e 20 analistas da Controladoria-Geral da União. Além dos mandados de busca e apreensão, a Justiça Federal determinou o imediato afastamento do cargo de cinco agentes públicos que deveriam fiscalizar e acompanhar a execução da obra de pavimentação asfáltica da BR-429, que liga o município de Presidente Médici à Costa Marques, em Rondônia. Os nomes não foram divulgados.

A Polícia Federal estima que os recursos públicos federais desviados ultrapassem a cifra de R$ 30 milhões. Segundo a investigação, que durou sete meses, há indícios de que a empresa executora da obra utilizou material de baixa qualidade e não tem executado serviços nos termos do contrato, descumprindo o projeto. Os agentes públicos responsáveis pela fiscalização e acompanhamento da execução da obra seriam coniventes e omissos em relação às irregularidades, recebendo propina, além de atuarem em conjunto com a empresa executora com o objetivo de driblarem a fiscalização de órgãos de controle, informou a PF. Há indícios de crimes como formação de quadrilha, falsificação de documento público, falsidade ideológica, peculato, corrupção passiva e ativa”.

Veja que esse fato narrado acima ocorreu em 2011. Estamos em 2018. Portanto, já se passaram quase 08 (oito) anos e a BR-429 conhecida como a dos aditivos não foi concluída e ninguém tem certeza de que este ano eleitoral seja entregue totalmente asfaltada de Presidente Médici à cidade de Costa Marques. Se até agora o DNIT não conseguiu sequer concluir um trecho de dois quilômetros no perímetro urbano na cidade de Alvorada D´oeste, então vocês acham que em 2018 a rodovia seja totalmente construída? Espero que os moradores de Alvorada D´oeste não dêem credibilidade quanto à presença da deputada Marinha Raupp na cidade na última terça-feira para entregar mais uma vez papel aos moradores. 

Texto: Ronan Almeida de Araújo é proprietário do site Giro Central e jornalista registrado no Ministério do Trabalho sob o número 431/98/RO.


Veja também sobre Alvorada D'oeste Politica
Cargando...

Informações de contato

Planeta Folha

(69) 9842-96737

atendimento@planetafolha.com.br

2016 - 2018: Planeta Folha é uma publicação de Planeta Folha - ME. Todo o noticiário, incluindo vídeos, não podem ser publicados, retransmitidos por broadcast, reescritos ou redistribuídos sem autorização por escrita da direção, mesmo citando a fonte. Os conteúdos assinados são de responsabilidade de seus respectivos autores. As pessoas citadas nos conteúdos têm direito de resposta garantida. Dúvidas entre em contato! ou fale diretamente com nossa redação - (Fale conosco pelo WhatsApp)
Crie seu novo site AgenSite
versão Normal Versão Normal Painel Administrativo Painel Administrativo