Banner juvino publicidade

Política

Politica 30/12/2017 21:10 Fonte: Planeta Folha - por Dr. Ronan Almeida de Araújo

Prédio doado pela Guascor à Prefeitura de Costa Marques está entregue às "moscas"

Em abril deste ano, a empresa Guascor doou à Prefeitura de Costa Marques um prédio onde funcionava a usina de energia distribuída aos consumidores do município. O prédio fica na entrada da cidade e está avaliado em aproximadamente R$ 300.000,00. No início, o prefeito havia anunciado que seria feita a transferência da Secretaria de Obras para o prédio que pertencia à Guascor, porém até o presente momento nada foi feito pela administração e lamentavelmente o imóvel está entregue às moscas, ou seja, abandonado. Em 1997, a Guascor do Brasil dava o pontapé inicial para a expansão da produção independente de energia elétrica no norte do país, com a primeira usina termelétrica em Soure, no Pará.  Depois vieram as unidades nos Estados de Rondônia, Acre e Amazonas. Como o contrato da empresa venceu com a Eletrobrás, outra companhia ganhou a licitação em substituição à Guascor e atualmente quem fornece energia aos consumidores de Costa Marques é a empresa Rovema, sediada em Porto Velho.

Foi sugerido ao prefeito que fizesse um leilão do prédio e com o dinheiro haveria condições de fazer até dois quilômetros de asfalto na cidade, principalmente nas avenidas Chianca e Limoeiro, que estão carentes de investimento do setor público para a conclusão do asfalto nestas duas importantes avenidas da cidade. A idéia só ficou no papel e o tempo está passando enquanto a cidade está sem receber um metro de asfalto pela atual administração, que está sendo um repeteco da anterior, que era comandada pelo ex-prefeito Chico Território, que arruinou as finanças do município e passou o abacaxi ao atual prefeito que está perdido igual cachorro quando cai de um caminhão de mudança. 

Uma administração como a de Mirandão que não tem uma Secretaria de Planejamento tudo pode esperar de pior, uma vez que o “motor” de uma boa gestão passa necessariamente pela está secretaria planejando as ações da administração para que os outros departamentos vão colocando em prática os projetos para mudar a realidade de Costa Marques, que passa ano e entra ano, a situação fica cada dia pior, deixando o povo sem esperança e órfão de um bom administrador. 

Tomara que 2018 seja bem diferente de 2017. O povo de Costa Marques não merece maus administradores e o município está sem se desenvolver porque falta algum gestor que pense, seja corajoso e empreendedor, principalmente com visão democrática que atua sempre em conjunto com a comunidade, razão maior da vida de um bom município que respeite e valorize o cidadão como colaborador assíduo numa administração participativa e criativa. 

Ontem vi uma reportagem sobre a cidade de Gramado, do Rio Grande do Sul, que é um município com aproximadamente 45 mil habitantes e quando chega nesse período de festa de Natal e ano novo, a cidade chega a receber até dois milhões de turistas, simplesmente pelo fato de que os administradores de Gramado investem no que há de mais rico numa prefeitura: turismo, gente de fora que traz dinheiro para o comércio, para os moradores, para a prefeitura, que aos poucos vai se transformando numa cidade parecida européia, uma das mais lindas do Brasil e se você não a conhece, vale a pena visitar como funciona um município que tem prefeito voltado ao empreendedorismo e com visão futurista. 

Este tipo de visão sobre município poderia estar acontencendo em relação à Costa Marques, no sentido de atrair mais turistas para prestigiar o rio mais lindo de Rondônia, qual seja, Guaporé, com lindas praias, reservas florestais intocáveis e presença de animais que são vistos apenas no Vale do Guaporé, como por exemplo, na fazenda Pau D´olho, que sempre é mostrada aos brasileiros por inúmeras reportagens de emissoras de fora que ajudam a divulgar o município, que não possui uma Secretaria de Turismo, Secretaria de Meio-Ambiente e Secretaria de Planejamento, o que fica muito difícil se pensar que Costa Marques será um dia uma cidade melhor para todos, bem diferente da atual, com gente desanimada e insatisfeita com os ex-administradores e com o atual.

Texto: Ronan Almeida de Araújo é proprietário do site Girocentral e jornalista registrado no Ministério do Trabalho sob o número 431/98/RO.


Veja também sobre Politica Costa Marques
Loading...

Informações de contato

Planeta Folha

(69) 9992-49411

atendimento@planetafolha.com.br

Permitida a reprodução com citação da fonte. Os conteúdos assinados são de responsabilidade de seus respectivos autores. As pessoas citadas nos conteúdos têm direito de resposta garantida. Dúvidas entre em contato!
Crie seu novo site AgenSite
versão Normal Versão Normal Painel Administrativo Painel Administrativo