Banner juvino publicidade

Política

Politica 30/12/2017 20:32 Fonte: Da assessoria para o Planeta Folha

Coleta de Lixo - Nota de esclarecimento

A prefeitura de Rolim de Moura (RO) vem perante os usuários do serviço público de coleta de resíduos sólidos esclarecer:

1 – A empresa responsável pela coleta e transporte dos resíduos sólidos (lixo), está trabalhando com 100% do efetivo;

2 –  A equipe de Garis retornou ao trabalho no dia 22 de dezembro, porém nos dias 24 (domingo) e 25 (Segunda) o Aterro Sanitário, que fica localizado na cidade de Cacoal não abriu, o que ocasionou um grande acumulo de lixo em toda a cidade;

3 – O contrato entre a Empresa e o Município é de apenas 02 caminhões diários para a coleta de lixo. Diante do exposto, a empresa colocou 03 caminhões para realizar a coleta;

4 – A Empresa informou para a Administração Municipal que está realizando a coleta diariamente e que a equipe está trabalhando 10 horas por dia para recolher a grande quantidade.

5 – Segundo a empresa ao coletar lixo em 02 ruas, dá a carga de 01 caminhão, precisando ser levado ao Aterro Sanitário em Cacoal. São 06 caminhões por dia carregados de lixo recolhido em Rolim de Moura.

6- Para agravar ainda mais a grande quantidade de lixo acumulado na cidade, o Aterro Sanitário não irá funcionar nos dias 31 de dezembro, 01 e 02 de janeiro (feriados), o que deverá ocasionar um grande acumulo de lixo em toda a cidade.

7 - Desde o ano de 2015, mais precisamente quando o Prefeito Luiz Ademir Schock assumiu a gestão, já haviam três (03) meses de atraso no pagamento da coleta de resíduos sólidos (lixo), transporte e aterro (destinação final na cidade de Cacoal);

8 - A Administração Municipal vem mês a mês tentando realizar o pagamento dos débitos vencidos e os débitos futuros dos serviços realizados pelo Consórcio Intermunicipal;

9 - Vale ressaltar que o município gasta em média mensalmente, R$ 200 mil reais na coleta, R$ 33 mil no transporte e R$ 100 mil no aterro, por ano o valor é de aproximadamente de R$ 4 milhões de reais;

10 - O Município cobra a taxa de coleta de resíduos sólidos “Taxa de Lixo”, o valor lançado para receber dos contribuintes chega na casa dos R$ 4 milhões, porém apenas 40% da população honrou com o compromisso e quitou o débito da taxa de lixo;

11 - Infelizmente com apenas 40% da arrecadação o município enfrenta dificuldades em honrar o compromisso junto ao Consorcio Intermunicipal. Fato que acabou ocasionando a greve dos trabalhadores (garis);

12 - A paralisação dos serviços de coleta de lixo não foi exclusivamente do Município de Rolim de Moura. Segundo o Consorcio, os profissionais da coleta também paralisaram as atividades nos outros municípios em que o consorcio presta serviço;

13 -  Reconhecemos que a grande quantidade de lixo está trazendo transtornos aos munícipes e pedimos a compreensão de todos,   informamos que nos próximos dias essa situação estará regularizada para podermos dar o atendimento merecido e desejado pela população; 

ATENÇÃO: Acompanhe mais noticias EXCLUSIVAS, curtindo nossa página no Facebook, CLIQUE AQUI. 


Loading...

Informações de contato

Planeta Folha

(69) 9992-49411

atendimento@planetafolha.com.br

Permitida a reprodução com citação da fonte. Os conteúdos assinados são de responsabilidade de seus respectivos autores. As pessoas citadas nos conteúdos têm direito de resposta garantida. Dúvidas entre em contato!
Crie seu novo site AgenSite
versão Normal Versão Normal Painel Administrativo Painel Administrativo