Banner juvino publicidade

Polícia

Horror 20/04/2017 16:54 Olhar Direto - Patrícia Neves

Estudante filma estupro de cadela e posta em rede social; protetores de animais vão à polícia

Protetores de animais em Cuiabá irão registrar na próxima quinta-feira, 20, uma denúncia perante a Polícia Civil contra um estudante de Cuiabá que se filmou estuprando uma cadela. O caso ganhou repercussão nas redes sociais e aplicativos celulares. Após a repercussão negativa, H.F. deletou sua página em rede social, mas o vídeo ainda pode ser encontrado na Internet. Antes da postagem ser apagada foi possível constatar que ele é um estudante de um curso na área da saúde e estaria matriculado em uma faculdade privada da capital de Mato Grosso. 

Durante o estupro ao animal, o rapaz chega a tecer uma série de elogios ao órgão sexual da cachorra,  considerando o ato como normal.  Em sua fala no vídeo ele deixa a entender ainda que essa não seria a primeira vez que abuso da cachorra.

“Ela sempre aguenta tudo, tudo, sempre, impressionado. Ela está no cio. Gostosa demais”, diz em trecho.

O sargento Vidal, que atua na proteção de animais em Mato Grosso, declarou que irá até á Delegacia Especializada em Crimes Contra o Meio Ambiente (Dema), no dia 20, solicitar que seja instaurado procedimento de investigação. Além dele, as protetoras Michele Scopel e Ivone Galindo irão acompanhar o procedimento. Os três estão revoltados com a situação."Nunca havia visto algo assim em Cuiabá", asseverou o policial militar.

“Ele tem que ser punido por esse crime, previsto pela Lei 9.605/98, em seu artigo 32, para que essa situação não tenha continuidade”, disse ao Olhar Direto na noite desta quarta-feira.

Ainda ponderou que é preciso saber quando o vídeo foi gravado. "Não se pode afirmar que seja um flagrante. A polícia tem que investigar e pode retirar o animal de sua guarda. Um absurdo", sentenciou.

Segundo a legislação vigente, a pena é de 1 a 3 anos de prisão, que pode ser convertida em medidas alternativas.


Veja também sobre Policia Mato Grosso
Loading...

Informações de contato

Planeta Folha

(69) 9841-29772

atendimento@planetafolha.com.br

Permitida a reprodução com citação da fonte. Os conteúdos assinados são de responsabilidade de seus respectivos autores. As pessoas citadas nos conteúdos têm direito de resposta garantida. Dúvidas entre em contato!
Crie seu novo site AgenSite
versão Normal Versão Normal Painel Administrativo Painel Administrativo