Banner juvino publicidade

Mato Grosso

Tragédia 14/12/2017 21:45 Fonte: Olhar Direto

Corpos de família morta em acidente aéreo são resgatados de mata e levados ao IML

Os corpos de Leandro Ferreira Pascoal, de 28 anos, da esposa, Francieli Reseto Pascoal, e do filho do casal, Felipe Pascoal, foram resgatados na tarde desta quinta-feira (14), da região de mata fechada a 24 km leste da cidade de Juruena.

Eles estão sendo levados ao Instituto Médico Legal (IML) de Juína, a 732 km de Cuiabá. Os três morreram em um desastre aéreo no ultimo sábado (9) e os destroços do avião foram encontrados na terça-feira (12), durante o fim da tarde. A informação do resgate foi confirmada pela assessoria do IML.

Ao Olhar Direto, a mãe de Leandro, Maria Ferreira Pascoal, disse que caso os corpos sejam liberados nesta tarde, os velórios deverão acontecer na manhã de sexta-feira (16). No entanto ela não soube confirmar o horário exato.

ATENÇÃO: Acompanhe as noticias de Mato Grosso curtindo nossa página no Facebook, CLIQUE AQUI. 

De acordo com a assessoria da Força Aérea, o resgate dos corpos iniciou-se na quarta-feira por volta das 12h45. Uma das dificuldades apontadas no resgate das vítimas seriam as condições meteorológicas, as características da mata extremamente impediam que os paraquedistas chegassem até o local exato.
 
Segundo o sargento Nildener Valmiraldo Santos, que encontrou a aeronave acidentada, a dificuldade de busca na região amazônica são as matas fechadas, o aru (nuvens baixas que sobem pela manhã devido a umidade da floresta), a grande altura das árvores e as elevações do solo, dando poucas referências para observação. A situação da meteorologia não ajudou nos primeiros dias.

"Nós, observadores, ficamos atentos a qualquer coisa diferente que ocorre no terreno, e de imediato comandamos a curva na aeronave para verificar o possível objeto de busca. A emoção e vontade de encontrar é nítida nos olhares de toda tripulação dia após dia de busca. Quando comandado a curva, até os observadores que estão no descanso voltam-se para as janelas, tentando ajudar de alguma forma", explica o militar. 

Entenda o caso

De acordo com a família, Leandro era um piloto experiente e saiu com sua esposa e filho de Colniza para Juara no ultimo sábado, 9, onde encontraria os outros parentes. No entanto, eles não chegaram e após uma hora de atraso os familiares procuraram as autoridades denunciando a preocupação com o desaparecimento. 


Veja também sobre Mato Grosso Desastre Aéreo
Loading...

Informações de contato

Planeta Folha

(69) 9992-49411

atendimento@planetafolha.com.br

Permitida a reprodução com citação da fonte. Os conteúdos assinados são de responsabilidade de seus respectivos autores. As pessoas citadas nos conteúdos têm direito de resposta garantida. Dúvidas entre em contato!
Crie seu novo site AgenSite
versão Normal Versão Normal Painel Administrativo Painel Administrativo