Banner juvino publicidade

Jurídico

Jurídico 29/11/2018 11:00 Fonte: Jornalista Ronan Almeida de Araújo

Evento realizado sob a coordenação da juíza de Costa Marques abordou sobre violência doméstica contra a mulher

No último dia 23, o poder judiciário, sob a coordenação da juíza de direito Dra. Maxulene de Souza Freitas, realizou um evento na sede da Câmara Municipal de Costa Marques, que teve como tema central “Homens pela paz”, visando compor a campanha do CNJ da Semana Pela Paz em Casa, com o intuito de tratar o tema da violência doméstica contra a mulher, a partir da perspectiva masculina, buscando provocar uma sensibilização acerca dos prejuízos gerados por um sistema patriarcal que favorece as desigualdades de gênero, prejudicando não só as mulheres, mas os próprios homens, as relações familiares e as relações com a sociedade no geral.

Foram debatidos assuntos como as construções sociais, índices de violência, ciclos de comportamentos agressivos, movimentos ativistas em defesa dos direitos das mulheres e Lei Maria da Penha.

Os presentes foram levados a refletir comportamentos do dia-a-dia e a repercussão destes para a qualidade de suas relações sociais. Além de palestras proferidas pela magistrada e pela psicóloga do judiciário, o público contou com uma linda declamação de um poema em forma de cordel, elaborado e interpretado pela Sra. Neide Kinapp, em que a mesma relatou sua experiência de vida, após ter vivido 08 anos como vítima de violência doméstica.

A abertura aconteceu com uma emocionante apresentação musical, realizada pelo Sr. Eliequim Gonçalves, que interpretou a canção de Gonzaguinha “Um Homem Também Chora”. Após as atividades programadas, os presentes puderam compartilhar um delicioso jantar que foi servido no local.

O evento contou com a presença de cerca de 80 homens que enalteceram a importância de que ações como esta continuem a ser desenvolvidas pela justiça para que haja maior conscientização, compreensão e tolerância dos homens sobre os direitos das mulheres, bem como que ambos vivam de forma pacífica e ordeira, em um ambiente fraterno, familiar e saudável.

Recentemente, a juíza da comarca coordenou outro evento, porém realizado com a presença somente de mulheres, onde mais de 300 delas ouviram os expositores esclarecendo sobre a forma como elas devem se comportar diante de agressões dos seus companheiros.

O objetivo desses encontros é fazer com haja diminuição de crimes relacionados às mulheres na comarca, uma vez que as estatísticas sobre a violência contra elas na comarca são preocupantes e o poder judiciário quer ser uma ferramenta de luta no sentido de que as estatísticas negativas sobre a violência doméstica no município venham a diminuir gradativamente.

Jornalista Ronan Almeida de Araújo é registrado profissionalmente na Delegacia Regional do Ministério do Trabalho no Estado de Rondônia sob 431/98


Cargando...

Informações de contato

Planeta Folha

(69) 9842-96737

atendimento@planetafolha.com.br

2016 - 2018: Planeta Folha é uma publicação de Planeta Folha - ME. Todo o noticiário, incluindo vídeos, não podem ser publicados, retransmitidos por broadcast, reescritos ou redistribuídos sem autorização por escrita da direção, mesmo citando a fonte. Os conteúdos assinados são de responsabilidade de seus respectivos autores. As pessoas citadas nos conteúdos têm direito de resposta garantida. Dúvidas entre em contato! ou fale diretamente com nossa redação - (Fale conosco pelo WhatsApp)
Crie seu novo site AgenSite
versão Normal Versão Normal Painel Administrativo Painel Administrativo