Banner juvino publicidade

Esporte

Esportes 24/09/2017 18:22 Fonte: Tiago Mattar /Superesportes

Cruzeiro vence o Atlético-GO fora de casa no Brasileirão

Com gols de Arrascaeta e Sobis, time celeste chega ao 9º jogo sem derrota

Desentrosamento, falta de ritmo de jogo, pressão... Nada disso impediu o time reserva do Cruzeiro de conquistar uma vitória sólida na tarde deste domingo, contra o Atlético-GO, no Estádio Olímpico. Com gols de Arrascaeta e Rafael Sobis (Luiz Fernando descontou para o Dragão), a equipe de Mano Menezes dominou o adversário desde os primeiros minutos de jogo e conquistou triunfo muito importante para os objetivos do clube no Campeonato Brasileiro. Com o 2 a 1 em Goiânia, o time chega aos 40 pontos, ultrapassa o Flamengo e termina a 25ª rodada na 5ª colocação.

Além de ganhar uma posição, o Cruzeiro alcança o nono jogo sem perder na temporada. A última derrota do time de Mano Menezes foi no primeiro jogo da semifinal da Copa do Brasil, contra o Grêmio, em Porto Alegre. A partida foi realizada em 16 de agosto, há 39 dias. Depois disso, a Raposa venceu Sport, Grêmio (duas vezes), Chapecoense e Bahia, e empatou com Santos, Londrina e Flamengo.

A partir de agora, o foco total do Cruzeiro é na decisão da Copa do Brasil. Na próxima quarta-feira, dia 27, às 21h45, a equipe celeste recebe o Flamengo, no Mineirão. No duelo de ida, houve empate por 1 a 1 entre mineiros e cariocas, no Maracanã. A vitória simples dará ao time de Mano Menezes o pentacampeonato do torneio nacional. Como não há a regra do gol qualificado fora de casa na final, novo empate por qualquer placar leva a disputa para os pênaltis. O próximo compromisso pela Série A é contra o Corinthians, em 1º de outubro, às 16h, no Gigante da Pampulha. 

O jogo

Ainda que fora do ritmo ideal de jogo, os reservas do Cruzeiro entraram em campo pressionando o Atlético-GO desde os instantes iniciais de jogo. A primeira chance clara aconteceu logo no primeiro minuto. Bryan testou de longe e a bola acertou a trave esquerda de Marcos. Avassalador, com trocas rápidas de passe e explorando a fragilidade defensiva do Dragão, principalmente pelo lado direito de ataque, a equipe celeste não demorou a balançar as redes. Aos 4’, Rafinha cruzou rasteiro da linha de fundo, Rafael Marques tentou uma vez, Rafael Sobis a segunda e a bola sobrou para Arrascaeta, que finalizou sem chances para o goleiro e marcou o gol 900 do Cruzeiro no Brasileiro de pontos corridos. 0 a 1.  

Mesmo com o gol logo no início da partida e o domínio absoluto das principais jogadas, o Cruzeiro não diminuiu o ímpeto, ainda que tenha recuado um pouco a linha de marcação. Seis minutos depois do tento, Rafael Marques recebeu cruzamento pelo alto de Arrascaeta e, de cabeça, finalizou rente à trave. O segundo gol viria aos 21’. Nonoca deu lançamento preciso para Rafael Sobis, que tocou na saída do goleiro Marcos. 0 a 2. Destaque para a assistência do jovem volante cruzeirense, que voltou a apresentar técnica apurada no duelo do estádio Olímpico. 

Na volta do intervalo, o Atlético-GO se inspirou no Cruzeiro do primeiro tempo para tentar mudar a história do jogo. Mais veloz, o time de João Paulo Sanches diminuiu o placar logo aos 2’ da segunda etapa. Jorginho infiltrou na área e tocou na medida para Luiz Fernando, que chegou finalizando sem chances para Rafael. 1 a 2. Com marcação reforçada e diante de um adversário menos inspirado, o Dragão se animou. Aos 16’, Paulinho acertou a trave em bonita tentativa de fora da área. Enquanto o dono da casa seguia assustando, a Raposa buscava definir o jogo em um contra-ataque, mas o placar seguiu inalterado: Cruzeiro 2 x 1 Atlético-GO.  

TLÉTICO-GO 1X2 CRUZEIRO

Atlético-GO
Marcos; Jonathan (André Castro), William Alves, Gilvan e Bruno Pacheco; Ronaldo e Paulinho; Andrigo (Niltinho), Igor (Jorginho) e Luiz Fernando; Alison. Técnico: João Paulo Sanches

Cruzeiro
Rafael; Lennon (Ezequiel), Arthur, Digão e Bryan; Nonoca, Lucas Romero (Hudson), Rafinha, Arrascaeta e Rafael Marques (Raniel); Rafael Sobis. Técnico: Mano Menezes

Gols: Rafinha (aos 4’1ºT), Rafael Sobis (aos 21’1ºT), Luiz Fernando (aos 2’2ºT)
Cartões amarelos: Lennon, Nonoca (Cruzeiro); Jonathan, Luiz Fernando, Bruno Pacheco, Gilvan (Atlético-GO)

Público pagante: 5.234
Renda: R$109.230,00

Motivo: 25ª rodada do Campeonato Brasileiro
Local: Estádio Olímpico Pedro Ludovico, em Goiânia (GO)
Data e horário: 24 de setembro de 2017 (domingo), às 16h
Árbitro: Heber Roberto Lopes (SC/CBF)
Assistentes: Helton Nunes (SC/CBF) e Thiaggo Americano Labes (SC/CBF)


Loading...

Informações de contato

Planeta Folha

(69) 9841-29772

atendimento@planetafolha.com.br

Permitida a reprodução com citação da fonte. Os conteúdos assinados são de responsabilidade de seus respectivos autores. As pessoas citadas nos conteúdos têm direito de resposta garantida. Dúvidas entre em contato!
Crie seu novo site AgenSite
versão Normal Versão Normal Painel Administrativo Painel Administrativo