Esporte

Latrocínio 20/09/2017 20:05 Fonte: IG Esportes

Jogador que defendeu a seleção brasileira é morto com tiro na nuca em SP

Matheus Garcia Vasconcelos Alves de 24 anos era atleta da seleção brasileira, e foi vítima de latrocínio no litoral paulista

Dia triste para o esporte nacional. O jogador de hóquei sobre patins Matheus Garcia Vasconcelos Alves, de apenas 24 anos de idade, foi morto na noite da última segunda-feira na cidade de São Vicente, no litoral de São Paulo. Segundo informações da polícia local, a principal hipótese é de que ele tenha sido morto em uma tentativa de assalto.

Ainda de acordo com as autoridades, o jogador levou um tiro na nuca ao se negar a entregar seu telefone celular a um assaltante, na Rua Nicolau Guirão Perez. O criminoso teria ficado nervoso com a atitude de Matheus e fez o disparo fatal à queima roupa.

Matheus chegou a ser levado para o Hospital Municipal de São Vicente, mas ele já chegou sem vida e os médicos não puderam fazer nada. Além de jogar hóquei sobre patins, o atleta também seguia a carreira de modelo e cursava Publicidade e Propaganda na Unisanta, em Santos.

A polícia ainda tenta identificar o assassino e conversa com algumas testemunhas que estavam no local, além de também tentar solucionar o caso usando as câmeras de segurança dos imóveis da rua.

Passagem pela seleção brasileira

O hóquei sobre patins ainda é pouco difundido no Brasil, com resultados pouco expressivos da seleção nacional. Matheus, no entanto, defendeu as cores verde e amarela e foi jogador da equipe no Campeonato Mundial de 2015, que teve a Argentina como campeã. 


Veja também sobre Polícia São Paulo

Informações de contato

Planeta Folha

(69) 9841-29772 - (69) 9937-71115

atendimento@planetafolha.com.br

Planeta Folha nas redes sociais

Crie seu novo site AgenSite
versão Normal Versão Normal Painel Administrativo Painel Administrativo